terça-feira, 17 de março de 2015

Alisar cabelo crespo: sim, não, talvez? Por que?

Alisar cabelo crespo
Dolly Vicious, a primeira modelo negra a estampar uma revista alternativa!
Geente, desculpa mesmo a demora de responder comentários e a demora de uma postagem para a outra. É que como vocês já sabem, estou indo rumo ao vestibular, então se não estou aqui, saibam que estou me matando em cima dos livros, tá? Ok... vamos lá.

Enfim, vira e mexe as pessoas me perguntam qual é minha opinião em relação ao cabelo natural, mas o que me despertou a vontade de escrever sobre isso aqui no blog foi uma postagem no facebook que a pessoa, dando um suposto "conselho" no status, dizendo que cabelo liso bonito é cabelo liso natural e que as meninas de cabelo cacheado não alisasse o cabelo, porque "não vai ficar legal". Daí eu fiquei tipo: AHN? Daí eu pensei: e quem é ela para dizer o que a pessoa deve ou não fazer no cabelo? Tipo: fia qual é o teu problema?

Eu não sou de fazer barraco não, mas isso me deixou um pouco indignada. Primeiro por achar que por ela ter um cabelo naturalmente liso, achar que pode falar o que quiser para uma pessoa de cabelos crespos. Como se cabelo crespo fosse um item público e as pessoas podem falar o que quiser em cima dele, criticar, manusear da forma que bem entender. E este caso me lembrou aquelas perguntas básicas que toda menina negra ouve na escola desde os primeiros dias de aula? Tipo:

  1. por que você não alisa? 
  2. por que você não faz chapinha?
  3. por que você não faz escova?
  4. por que você não relaxa pra "soltar os cachos"?
  5. por que seu cabelo é assim?
  6. como é ter "cabelo ruim"?
  7. dói para pentear?
  8. seu cabelo é ruim mas se você alisar "ele vai ficar melhor"
  9. posso pegar no seu cabelo?
  10. é de verdade (quando o cabelo é longo)?

Sabe quando uma menina com um black power sai na rua e as pessoas querem pegar no cabelo dela? É a mesma filosofia. Dá vontade de perguntar: ei, chega aqui... cê nunca viu cabelo não? Foda.

E não estou exagerando. Me perguntavam esta lista aí na escola e eu ficava totalmente sem ação. Primeiro porque eu não achava meu cabelo ruim... e ele não é mesmo. Na verdade não existe cabelo ruim. E segundo porque a pessoa se achava na condição de vir falar... dar palpite... no MEU cabelo, veioo. TIPO QUE TAL HEIN CUIDAR DA SUA VIDA HEIN GATA?

É impressionante como as pessoas adoram dar as opiniões delas que, incrivelmente 99% das vezes são opiniões 100% descartáveis e que não mudam a sua vida em nada. E é isso que aconteceu com esta pessoa com mente incrivelmente brilhante se achando a sinceridade em pessoa. Me polpe né?

Acho que as pessoas não sabem diferenciar sinceridade de estupidez e cuzice. É uma dor de cagar ter que ficar ouvindo opinião sobre coisas que nem você mesmo sabe do que está falando. E por falar em facebook, isso me lembrou as manifestações "pós-panelaço" das cochas na Avenida Paulista, meus pêsames aos meus amigos pobres que moram de aluguel por perto. Um monte de gente dando palpite sem nem saber o que estava acontecendo por lá e o porquê que eles estavam lá. Enfim... só asneira!! Definitivamente não gosto de facebook!

Bom, foco... enfim... O cabelo é seu, você que cria, cuida, lava, gasta dinheiro com ele. Quem decide o que você quer fazer nele é só você mesmo. Não sou eu, nem a cabeleireira, nem as vlogueiras de cabelo crespo que vai decidir isso por você.

E porque eu deixei de alisar...

A pergunta que não quer calar... Eu deixei de alisar meu cabelo, simplesmente porque cansei de ser escrava de progressiva, além de ter a chance de perder meus cabelos para sempre, ou pior ainda: desenvolver câncer por conta do formaldeído e até chegar a perder a vida. Foi por isso que parei de alisar o meu cabelo. E estou bem assim, não sinto nem um pouco de falta e estou curtindo ele ao natural sim, porque é um direito meu e não um dever.

E eu nunca tive corte químico, não decidi isso porque meu cabelo caiu ou algo do tipo. E olha que eu nem hidrata, fazia nada, ele vivia assim, uma farofa. Até porque eu nunca fui de alisar meu cabelo toda semana como vejo as meninas por aí. Alisava de 6 em 6 meses e olhe lá. Ficava ridícula a diferença de textura, mas eu tava cagando. ;P

Eu parei porque cansei mesmo, sei lá, tô achando que é mais vantagem cuidar dele ao natura... é bem mais fácil do que se ele fosse quimicamente tratado. É menos reconstrução, não gasto dinheiro em retoque de raiz, menos produtos para comprar, menos dor de cabeça e mais saúde para mim. Simples assim.

Bom, acho que é (só) isso. :P
Beijos!

9 comentários:

  1. Eu tô hiper querendo me libertar da chapinha. Tô esperando ele ganhar mais tamanho pra isso, porque é insustentável viver com ele natureba solto, já que não tem forma de nada. Fica horrível e me sinto feia. ): Oremos pro tempo passar logo! Adorei o post! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabe Jaq tem uns produtos que ajudam o cabelo crescer mais rápido. Eu já estive em transição por 2 anos e sei o sofrimento que é. Mas força e paciência que tu consegue ♥

      Excluir
  2. Concordo plenamente!
    Cada um sabe de si e do seu cabelo!
    É claro que devemos levar em conta a ditadura do cabelo liso e o padrão de beleza que a sociedade impõe, mas mesmo assim acho que alisa ou não quem quer! E que os outros parem de dar opinião que não foi pedida!
    Essa dessa menina aí do facebook que você falou foi um absurdo! Será que ela ta achando que só porque tem o cabelo liso natural é melhor que os outros e se sente no direito de decidir como o outro deve ser? Preguiça de gente assim...
    Excelente post!
    bjin

    http://monevenzel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente. O negócio é a pessoa ter liberdade para ela fazer o que bem quiser com o cabelo. Não há gente de cabelo liso que cacheia? E brancos com dreadlocks? Sabe, é uma hipocrisia enorme. Eu também tenho, dá sono.

      Excluir
  3. Primeiramente: ESSA FOTO DE AVATAR ♥
    Eu ri demais quando vi!
    Essas perguntas são chatas para diabo,quando meu cabelo estava longo ficavam perguntando se era de verdade,me falavam que eu ia ficar uma graça de cabelo liso pois tenho traços finos e quando pegavam?Uma vez num encontro de motos,uma guria quase arrancou meu cabelo porque queria ver se era de verdade e achou lindo ¬¬

    Voltei ao preto,porque estava de saco cheio de gente estranha pegando na minha juba!Cara o povo tem que parar de cagar regra na vida dos outros,se a pessoa quer tacar henê e virar a gata do cabelão preto,faça!Se quer deixar o black branco (ai sonho de consumo g-zuis) deixe,se quer ser negra ruiva qual o problema?Só queremos opinião,quando pedimos e nada mais!Achar conhecedor de causa sem conhecer,é no mínimo pra cair o cu da bunda (Y)

    Küss

    ResponderExcluir
  4. Acho que cada um sabe o que faz com o próprio cabelo, e também concordo que não existe cabelo ruim e sim gente com atitude imbecil, já que no Brasil a quantidade de pessoas com cabelo crespo e cacheado é grande, ótimo post, Bjs.

    http://estranheza-peculiar.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Concordo demais com o seu post. Mas o que mais tá me incomodando nesse rolê de cabelo crespo x cabelo liso é o fato de muitas meninas, até mesmo negras não saberem diferenciar racismo institucional x gente escrota. Gente pedindo pra você alterar/criticando o estado NATURAL do seu cabelo, criticando algo que FAZ PARTE DA SUA ETNIA, é RACISMO. Gente falando que você deveria deixar seu cabelo natural, dando pitaco, é só gente escrota mesmo. Nunca vi ninguém, ninguém mesmo no rolê de feminismo interseccional criticar uma pessoa negra por querer usar cabelo liso.

    Eu mesma uso aplique liso quando to com vontade (nada de alisar porque não aguento ver quimica na frente!). Temos que entender que: tem mulher que precisa alisar cabelo pra trabalhar e por comida na mesa, tem mulher que simplesmente gosta de cabelo liso sem necessariamente achar que afro é uma bosta, tem mulher que não tem acesso ao empoderamento que a gente têm. Nenhuma feminista negra em sã consciência olha pra mina negra de cabelo liso e pensa: "nossa mano, essa daí é uma oprimida, devia ficar natural, ela deve sofrer taaaaaanto".

    Tem sim uma hiper valorização do cabelo crespo, mas gente, as pessoas queriam o que? Se o rolê é black power, vai ficar bajulando cabelo liso?

    O pitaco que a pessoa sofre por ser negra e querer cabelo liso nunca será racismo, nem mesmo uma opressão. No máximo pré conceito (e devemos lembrar que racismo não é SÓ preconceito).

    A opressão que as pessoas negras sofrem da mídia e da sociedade pra ter cabelo liso, sempre terá base na hiper valorização do padrão eurocêntrico e consequentemente é racista, pois valoriza traços brancos acima de traços negros.

    Não é dificil de entender. lol

    ResponderExcluir
  6. Estou apaixonada pelo seu blog e o jeito que você escreve, muito simples mas que traz muita informação.
    E tô apaixonada também pelo comentário acima haha
    Parabéns!
    sosgirls.com.br

    ResponderExcluir
  7. Excelente post, eu também vivi uma situação similar.

    Eu nunca tive um alisado, mas sofri dos comentários das pessoas culturalmente racistas. Hoje eu tenho o control da meu cabelo and it's such a great feeling! Eu gosto muito da textura e dos multiples looks que uno pode fazer.



    Desculpa meu português, não e meu segundo idioma. Tenho muito sono agora para comprovar o texto :P.

    ResponderExcluir